Saneamento é direito fundamental

Em busca de saneamento básico para regiões mais carentes do DF, participei da apresentação do projeto Vida e Água na Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes). 

Além de professores e alunos da Universidade de Brasília (UnB), estiveram presentes representantes de instituições parceiras do projeto. A secretaria-adjunta, Renata Magno, recebeu a equipe. 

Durante o encontro, foi o exposto o cenário preocupante com mais de 300 mil pessoas sem acesso a água tratada no DF e definidas ações emergenciais, entre as quais a identificação e mapeamento dos habitantes sem saneamento.  

O próximo passo será um encontro na Casa Civil  do GDF com intuito de avançar no desenvolvimento de uma solução prática para o problema. 

Sempre vigilante com os direitos básicos do cidadão!