Projeto ‘Câmara em Movimento’ ouviu demandas da população de Samambaia

Mais escolas, melhorias no atendimento na saúde, mais segurança, opção de lazer para os jovens, autonomia da Administração Regional e mais atenção por parte do GDF. Estas foram algumas das revindicações feitas pelos moradores de Samambaia, durante sessão ordinária realizada nesta quinta-feira (18), na quadra 206 da Cidade, pelo projeto Câmara em Movimento.

 

O Câmara em Movimento é uma ação que pretende aproximar a Câmara Legislativa do Distrito Federal da população. O deputado Chico Vigilante compareceu à cidade para ouvir as demandas da população.

 

Samambaia é uma das maiores do Distrito Federal. Por conta disso, os problemas também são de cidade grande, como disse uma liderança comunitária, ao usar a palavra durante a sessão.

 

“Faltam muitas coisas em nossa comunidade. Mas a falta de escolas técnicas e opções de cultura e lazer para os jovens é um dos principais problemas. Os nossos jovens e crianças estão a mercê da criminalidade, para ajudar as suas famílias. A situação está tão grave, que até mesma a Delegacia foi fechada por falta de efetivo policial. A criminalidade está batendo às nossas postas”

 

O morador José Antônio Morais, falou da necessidade de se aprovar pela Câmara Legislativa, a Lei de Uso e Ocupação do Solo, pois os moradores não tem habite-se para reformar as casas deles. Além disso, ele cobrou que o governador cumpra a sua promessa de campanha, de realizar eleições para as administrações regionais através do voto popular.

 

Também foi consenso entre os moradores, o pedido para a não instalação do aterro sanitário na cidade. Além do chorume que contaminará o solo, eles temem que o mau cheiro trará consequências para a saúde de todos.

Por outro lado, as mães pediram mais creches para atender as crianças de zero a quatro anos. Segundo elas, as creches trarão mais independência para as mulheres trabalharem.

 

Outra denúncia, desta vez feita pelos comerciantes da localidade, é que a Administração Regional de Samambaia está praticamente parada, pois está sem pessoal para liberar o alvará e o habite-se.

 

Em seu discurso, Chico Vigilante pediu o apoio de todos os parlamentares em prol daquela cidade.

 

“É chegada a hora de todos darem as mãos, pois as eleições terminaram em outubro de 2014, e, como representantes do povo, temos que trabalhar em prol da população do Distrito Federal.

 

Trabalho e Comprometimento – Chico se comprometeu junto com outros parlamentares, a destinar recursos das emendas para a implantação do “Na Hora”, na feira da cidade.

 

Segundo o petista, o montante necessário para a construção do equipamento, é de cerca de R$ 2,5 milhões. “Estamos nos comprometendo em destinar esses recursos para implantar esse importante órgão para atender às necessidades da comunidade. Inclusive, vamos exigir do governador Rollemberg a execução desta obra”.

 

Por Veronica Soarez/ Assessoria