PLP 257 é retrocesso das conquistas dos servidores públicos

Chico Vigilante | CHICO VIGILANTE, CORAGEM E DETERMINAÇÃOPLP 257 é retrocesso das conquistas dos servidores públicos

Mais um ataque aos servidores públicos está em curso no Congresso Nacional. Desta vez, o PLP 257/2016 visa retirar do sufoco os estados e municípios que estão no limite da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Só que toda economia de recursos será descontada dos servidores públicos.

Caso aprovado, o  projeto trará a suspensão de concursos públicos, o congelamento de salários, além da realização de um Programa de Demissão Voluntária (PDV).

A proposta foi  apresentada à presidenta Dilma Rousseff por governadores endividados que estão no limite da LRF, a exemplo de Rodrigo Rollemberg (PSB), que lidera a empreitada contra os trabalhadores.

Para a secretária de finanças do Sinpro-DF, Rosilene Corrêa, a notícia da tramitação do PLP 257 é uma das piores que os servidores poderiam receber.

“Isto é um massacre aos direitos dos servidores públicos. Infelizmente, de certa forma, já sofremos a implementação prévia do 257 por parte do governador Rodrigo Rollemberg”, apontou a dirigente sindical.

O deputado Chico Vigilante (PT) foi taxativo ao garantir posição contra a proposta. “Não concordo e nem concordarei com qualquer supressão aos direitos da classe trabalhadora”.

Vigilante também afirmou que vai à Presidência da República pedir a retirada imediata do projeto.

“Já estou em contato com a Casa Civil e também irei conversar com o ministro Berzoini. Creio que iremos convencer a presidenta Dilma a retirar esse projeto”, finalizou.

De acordo com o Dieese, esta proposta representa um “grande contrassenso”, pois não significa que com a diminuição do estado, o país vai começar a melhorar.

Por Marcos Paulo Lima

Assuntos Relacionados