Na luta pelos trabalhadores terceirizados da Esplanada dos Ministérios

Uma série de direitos dos trabalhadores terceirizados na Esplanada dos Ministérios foram lesados durante a passagem do Capitão Capiroto pelo poder. Planos de saúde foram cancelados e ticket alimentação reduzido. Quem sofre são aqueles quem desempenham os serviços de vigilância, limpeza, recepção, copa e secretariado na Esplanada.  

Estamos adotando providências e acompanhando de perto a negociação para retorno imediato dos direitos básicos destes trabalhadores. 

Sempre vigilante com os direitos dos trabalhadores e trabalhadoras terceirizados!