Em evento, mulheres exigem “Dilma fica, Cunha sai!”

Chico Vigilante | CHICO VIGILANTE, CORAGEM E DETERMINAÇÃOEm evento, mulheres exigem “Dilma fica, Cunha sai!”

O Palácio do Planalto foi palco de um ato solidário de centenas de brasileiras intitulado “Mulheres pela Democracia”. O evento serviu para demonstrar o apoio das mulheres dos mais variados segmentos sociais ao mandato da presidenta Dilma Rousseff (PT).

Na atividade, as participantes exigiram a saída imediata do presidente da Câmara Federal, Eduardo Cunha (PMDB). Gritando palavras de ordem, fizeram a defesa da petista. “Dilma fica, Cunha sai”, gritaram.

A presidenta do PT de Ceilândia, Neide Lucena, criticou as pessoas que defendem o Golpe. “Sinto que esses eles não são patriotas, pois querem dar um golpe no Brasil. Eles não aceitam uma mulher no comando do País”, afirmou.

Já a presidenta da República, classificou como machistas e cheios de misoginia os ataques lançados por setores da oposição.

“Eu não perco o controle, não perco o eixo, não perco a esperança porque eu sou mulher. Acostumei a lutar por mim e pelos que eu amo. Amo a minha família, amo o meu país, amo o meu povo”, sentenciou.

A petista também se mostrou indignada com recente matéria publicada pela revista IstoÉ, que trouxe como capa, menção às supostas “explosões nervosas” da petista.

“Essa revista vem sistematicamente mentindo, inventando”, disse Dilma.

 

“Produziu uma peça de ficção para ofender a mulher e a presidenta. É um texto muito baixo que reproduz um tipo perverso de misoginia”, criticou.

Por Marcos Paulo Lima