Chico Vigilante pede que Governador Rollemberg sepulte a ideia de OSs no DF

Com a notícia da doação de R$ 600 mil para a campanha do Governador Rodrigo Rollemberg pelo dono de organização social, preso em operação da Polícia Federal, a implementação das OSs em Brasília torna-se inadmissível. Essa é a avaliação que faz o deputado Chico Vigilante (PT).

“Espero que, com mais este escândalo, o governador reflita e tome a decisão de sepultar em definitivo essa história de OSs no Distrito Federal. Decisão, esta, que deveria ter tomado há muito tempo”, afirma.

Neste fim-de-semana, os meios de comunicação noticiaram a prisão do médico e empresário Mohamad Moustafa, dono da organização social Instituto Novos Caminhos (INC). Ele doou 600 mil reais à campanha do governador Rodrigo Rollemberg por intermédio das empresas que controla.

De acordo com o parlamentar, nos estados nos quais foram implementadas as Organizações Sociais, o histórico deixado foi de problemas. “Eu tenho afirmado constantemente que as OSs na área da saúde, por onde passam, deixam um rastro de destruição, de corrupção e de malandragem”, ressalva.

O distrital também chama a atenção para a relação pré-estabelecida com a empresa em questão por ventura da doação de campanha e da vontade do governador Rollemberg implementar a gestão por organizações sociais no Distrito Federal. Tramita na Secretaria de Planejamento o processo de qualificação como Organização Social requerido pelo Instituto Novos Caminhos.

“Estas empresas se camuflam de OSs, mas, na realidade, são formadas por empresários desonestos, e, neste caso, realizaram uma doação suntuosa para a campanha a governador do candidato Rodrigo Rollemberg”, afirma.

 

Veja, abaixo, na íntegra, declaração do deputado Chico Vigilante a respeito do caso.

OSs envolvidas na Operação Maus Caminhos doaram para campanha de Rollemberg

A revista ‘IstoÉ’ revela que três Organizações Sociais (OSs) envolvidas na Operação Maus Caminhos, deflagrada pela Polícia Federal, esta semana, em Manaus, doaram R$ 610 mil à campanha do Governador Rodrigo Rollemberg (PSB), que quer implementar a a qualquer custo este modelo de gestão na saúde do DF.

Eu tenho afirmado constantemente que as OSs na área da saúde, por onde passam, deixam um rastro de destruição, de corrupção e de malandragem.

Estas empresas se camuflam de OSs, mas, na realidade, são formadas por empresários desonestos, e que, neste caso, realizaram uma doação suntuosa para a campanha a governador do candidato Rodrigo Rollemberg.

Espero que, com mais este escândalo, o governador reflita e tome a decisão de sepultar em definitivo essa história de OSs no Distrito Federal. Decisão, esta, que deveria ter tomado há muito tempo.

Até porque, agora, torna-se inadmissível a implementação das OSs no DF.

Continuarei batalhando contra a implementação das OSs no DF porque é ilegal, imoral, indecente e destrói a saúde pública.

Deputado CHICO VIGILANTE, PT-DF

Assuntos Relacionados